Como Escolher a Profissão Certa Para Si

Quer esteja prestes a deixar a escola e a ingressar no ensino superior, ambicione por uma mudança de carreira ou apenas de empresa, é importante saber se a escolha que está prestes a fazer é a que mais lhe convém.

Talvez queira trabalhar por conta própria. Ou poderá sentir-se cansado da rotina e preferir um trabalho mais estimulante. Será que sacrificou a possibilidade de fazer aquilo de que mais gosta, em troco de uma certa estabilidade financeirmonusco_job_fair_12967807175a, e agora está pronto para seguir os seus sonhos?

Seja qual for o caso, poderá ir angariando fundos para a sua conta em jogos-de-roleta.com.br, mas isso será apenas um complemento.

Apresentamos aqui as 5 perguntas que deverá colocar a si próprio antes de tomar uma decisão que poderá mudar a sua vida por completo:

Que competências possuo?

Antes de delinear a sua carreira ideal, seja honesto e determine aquilo que faz bem, as funções que tem mais preparação para desempenhar e aquilo que o poderá distinguir dos demais, pela positiva. A satisfação pessoal com o seu desempenho será uma das maiores fontes de motivação e de eventual sucesso na carreira.

O que me motiva?

Há quem prefira trabalhar sozinho e quem tenha um melhor desempenho e satisfação em equipa. O que mais o motiva? A remuneração é o mais importante para si? Prefere a segurança de uma rotina ou a possibilidade de ser surpreendido?… As escolhas de uma profissão deverão ter em conta aquilo que o manterá motivado a longo-prazo.

Como defino sucesso pessoal?

O sucesso, para si, está representado por uma avultada conta bancária? É um cargo, um estatuto? Significa tornar-se uma figura de referência ou um especialista?… Qual o equilíbrio ideal entre a remuneração e a satisfação pessoal?

Como se encontra o mercado de trabalho?

Informe-se sobre o mercado de trabalho atual e as tendências para o futuro, para poder investir em formação e/ou numa carreira em que se perspetivem boas saídas.

Como posso valorizar-me?

O mercado de trabalho é competitivo. Muitas vezes, a valorização pessoal através de ações de formação ou educação académica pode fazer a diferença.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *